Notícias

Shueisha nega envolvimento no recente escândalo de direitos autorais

Shueisha nega envolvimento no recente escândalo de direitos autorais  – A Shueisha finalmente se manifestou sobre todo ocorrido dos último dias, sobre o escândalo que assombrou os fãs otakus em todo mundo. Confira com a gente, e se você está por fora do assunto, ou não se lembra, vamos deixar os links para você conferir.

É difícil acreditar que, há pouco menos de uma semana, a palavra ‘ Shueisha ‘ estava em alta no mundo todo e todo o Twitter estava tendo um colapso devido à destruição iminente das remoções do DMCA. Como o tempo voa. Desde então, o denunciante original do incidente, ‘@newworldartur’, compilou algumas evidências sugerindo que era uma farsa, e agora a Shueisha apresentou sua própria declaração: confirmando que eles não tiveram nenhum envolvimento no escândalo de direitos autorais, aparentemente corroborando a história de ‘@newworldartur’.

 

Shueisha faz pronunciamento via MangaPlus

Em um anúncio publicado na MangaPlus, Shueisha afirmou que tinha sido ‘deturpada’ por alguém que enviava solicitações de remoção por DMCA no ‘Twitter e outras plataformas de mídia social’. Garantindo aos usuários que estavam ‘consultando as várias plataformas’, eles disseram que estavam considerando que tipo de ação poderia ser tomada ‘para resolver esse problema’, supostamente significando reverter os ataques e punir o responsável.

Tweet do Vice Presidente Global da Shueisha com o anúncio da Shueisha:

Link para o ANÚNCIO OFICIAL DA SHUEISHA: CLIQUE AQUI

Além disso, em um comentário fornecido com exclusividade à um site americano – Anime News Network – a Shueisha esclareceu que as remoções de DMCA não eram deles, mas ‘um terceiro usando o nome da empresa sem permissão’. Eles negaram ‘qualquer envolvimento’ no recente escândalo de direitos autorais. Embora isso seja muito parecido com a declaração postada no Manga Plus, afirma abertamente que eles não estiveram envolvidos em todo o incidente, aparentemente confirmando a história de NWA.

A “Verdade” revelada

Em seu documento intitulado ‘The Full Truth on the Shueisha Copyright Hoax’, ela afirma que foi um YouTuber com o nome de AugieRFC visando o criador de conteúdo / streamer Jessix que foi o gatilho inicial para isso, mas tudo isso é baseado em evidências circunstanciais. Somente o Twitter sabe com certeza quem enviou as reivindicações, então espera-se que a ‘consulta’ de Shueisha com eles produza alguma justiça.

A verdadeira história aqui é como é fácil para alguém com más intenções abusar do sistema de direitos autorais do Twitter. O mesmo poderia ser dito sobre toda a política DMCA, na verdade: YouTubers, em particular, conhecem as dores de falsos avisos de direitos autorais quando seu uso de material protegido por direitos autorais é tecnicamente considerado uso justo.

Todo o sistema é fraco, e esse recente escândalo de direitos autorais da Shueisha é apenas o exemplo mais recente disso.

 

Mais sobre o assunto:

Banimentos da Sueisha e a Nova Lei de Pirataria. Entenda:

Reviravolta no caso Shueisha e os Direitos Autorais 

Compartilhe sua opinião conosco na seção de comentários ou em nossas redes sociais logo a seguir  FacebookInstagram e Twitter.

Estamos no Google News:

Relacionados:

Mostrar mais

Mateus

Acadêmico de Medicina no Paraguai. Fotografo nas horas vagas. Estudo Japonês, Inglês e Coreano. Amante de animes, mangás e toda cultura Otaku ;)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo